manutenção de uma arma de fogo

Qual processo para fazer a manutenção de uma arma de fogo

Leia este artigo até o final e você entenderá qual o processo para fazer a manutenção de uma arma de fogo de forma simples de rápida.

É seguro dizer que você é um amor com armas, você realmente sabe como manter uma arma apropriadamente?

Talvez esse seja um dos temas que mais geram dúvidas entre os atiradores, saber o método certo para acompanhar as armas de seu interesse.

Essas questões podem surgir devido à ausência de dados sobre o assunto.

Felizmente, essa imagem está mudando com a expansão dos negócios de armas.

A partir de agora, podemos observar escolas que permitem que os atiradores ensaiem, mas isso não chega ao ponto de orientar o cliente da maneira correta para que isso aconteça para não danificar o equipamento.

Pensando nisso, fizemos este artigo para alguns ângulos sobre suporte de armas e ótimas práticas que você precisa para preservar mais prontamente seu equipamento e garantir seu funcionamento adequado.

Antes de ler nosso artigo sobre manutenção de armas de fogo, Caso você queira comprar uma arma legalizada você pode ver alguns pontos antes de comprar armas de fogo.

Com que frequência seria uma boa ideia realizar suporte preventivo em minha arma?

A resposta mais direta a esta pergunta é confiável após o uso, uma revisão é sugerida.

Esta manutenção é obrigatória em qualquer ponto que a arma seja apresentada a circunstâncias antagônicas.

Essa manutenção deve ser feita de forma intermitente para evitar o consumo, por exemplo: quando a arma fica um bom tempo sem uso.

Encontre aqui as 5 etapas fundamentais para a manutenção de armas.

Resfriamento de Armas

No que diz respeito às armas, é fundamental garantir o bem-estar dos indivíduos que estão conosco, seja no campo de tiro, em casa ou no trabalho.

O passo inicial antes de fazer qualquer coisa é procurar um local protegido para resfriar sua arma, eliminar toda a munição da câmara e dos pentes.

Um ponto protegido é aquele que, no caso de um tiro não planejado, é adequado para segurar o tiro sem perigo ou lesão a ninguém.

Após manter todas as diretrizes de segurança, afirme que sua arma realmente esfriou, guarde a munição em local protegido e, antes de iniciar a manutenção, mostre aos outros que sua arma está fria, ou seja, sem munição.

É fundamental cobrar por esse treinamento em qualquer ponto que alguém faça a manutenção da arma.

 

Desmontagem da arma

Tendo em conta que você é o proprietário da arma, você desempenhará positivamente a manutenção preventiva que é importante para o funcionamento adequado da arma.

Essa manutenção visa manter a arma em condições ideais de utilização, independente de ser uma avaliação ocasional ou posterior à sua utilização.

Na maioria das vezes, a desmontagem para manutenção preventiva não precisa de dispositivos, geralmente sugiro envolver o melhor aparato para essa tarefa.

Nunca faça transformações em sua arma, além de prejudicar seu armamento, pode custar muito caro!

Limpeza, Proteção e Lubrificação

Esses três estágios são vitais para este ciclo.

A limpeza garantirá que não haja corpos desconhecidos dentro da arma, o que poderia impedir sua atividade.

A garantia evita o contato do metal com substâncias que podem prejudicar a arma.

O óleo previne o desgaste das partes móveis, trabalhando com sua atividade.

Antes de aplicar qualquer tipo de óleo ou fluido na arma, com um pincel elimine qualquer resíduo que possa conter a arma.

Utilização de Solventes

A utilização desse tipo de item requer uma consideração mais digna de nota, pois o solúvel é utilizado para eliminar substâncias que ficam grudadas em sua arma.

Alguns solventes são realmente ótimos para eliminar o óleo velho, e isso requer muito cuidado, pois permitirá que a superfície metálica da arma permaneça descoberta. É vital que uma camada de óleo novo seja aplicada para um seguro mais notável de suas armas.

Existem também solventes para explosivos, mas sugere-se que este tipo de solvente deve ser aplicado apenas onde há excesso de pó preto onde o pincel não conseguiu eliminar.

Aplique uma gota na área e confie que o solúvel agirá.

Com um material ou cotonete elimine todo o solo.

O pincel para esta situação pode espalhar o solo para diferentes colocações na arma.

O ideal é geralmente utilizar um pincel indicado para o tipo de sua arma.

Que tipo de óleo seria aconselhável que eu utilizasse?

Há algum tempo, o óleo Singer era amplamente utilizado, mas hoje temos alguns itens explícitos para suporte de armas.

Supondo que você vai limpar sua glock 380, fique longe de plantas e óleos construídos nativamente que não são apropriados para armas.

Óleos próprios, por exemplo,

  • Lubrax Util PA-15
  • MIL-C-372B

São os mais razoáveis ​​e adequados para limpeza e proteção, sem o risco de danificar o implemento mortífero.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.