mercado automotivo

Mercado automotivo: Saiba como investir

O mercado automotivo tem mostrado bons resultados, o que está chamando a atenção de muitos empresários que desejam investir em uma franquia automotiva.

De acordo com uma pesquisa realizada pelo Observatório das Metrópoles, a média é de um carro a cada três habitantes no Brasil, e esse número aumenta continuamente, por conta da descentralização do mercado.

Inclusive, o Norte e o Nordeste possuem pouca infraestrutura e áreas urbanizadas, e o número vem crescendo constantemente por conta do desenvolvimento nesse sentido.

Além disso, uma pesquisa detalhada em relação aos dados econômicos brasileiros mostrou que o PIB (Produto Interno Bruto) foi acelerado, justamente por conta do crescimento da região norte do país.

A mesma pesquisa também concluiu que o brasileiro permanece cerca de 4 anos com o mesmo carro, o que acaba padronizando o consumo mensal e o gasto com vários itens de manutenção.

Por ser um mercado em constante crescimento, vale a pena investir nele, pois os retornos são sempre promissores.

Neste artigo, vamos mostrar quando é o melhor momento para investir, o custo inicial para fazer uma franquia automotiva e os benefícios desse setor para os empresários. Confira!

Qual é o momento certo de investir?

Se você está pensando em investir em uma franquia automotiva, é muito importante se basear em quem já fez esse tipo de investimento. Para descobrir o momento certo, é necessário considerar vários aspectos, como:

  • Presença da marca;
  • Credibilidade no mercado;
  • Modelo de negócio disponível;
  • Perfil exigido;
  • Treinamentos e suporte oferecidos.

Também é fundamental avaliar o valor do investimento, de modo a se certificar de que ele é flexível e está dentro da realidade do seu orçamento.

Mesmo que sua intenção seja abrir uma empresa de aluguel de microônibus com motorista, leve em consideração essa questão.

Ela é importante, inclusive, por conta da popularização de franquias home based, além das microfranquias que exigem um valor de investimento menor.

O mercado automotivo caminha para isso, portanto, o empresário vai se deparar com uma grande variedade de preços e formatos. Por essa razão, precisa pesquisar muito para encontrar a melhor alternativa para seu orçamento.

A partir disso, saberá quando é o melhor momento para investir e quanto será necessário desembolsar.

Quanto custa uma franquia automotiva?

De acordo com a Associação Brasileira de Franchising (ABF), os custos iniciais para abrir uma franquia automotiva variam muito.

Isso acontece porque o mercado trabalha com diferentes aspectos, e alguns deles podem impactar diretamente no investimento necessário para abrir uma unidade franqueada.

Por exemplo, se o empreendedor abriu um negócio de cristalização automotiva 3m, totalmente administrado de casa e apenas os funcionários realizam o serviço, os gastos serão muito menores.

Da mesma forma, uma franquia que pode aproveitar o espaço físico de outras empresas como parceria também possuem custos mais em conta.

Isso acontece porque o empreendedor não precisa fazer um investimento tão grande em equipamentos, contratação de colaboradores, aspectos do ponto comercial e estrutura.

Em contrapartida, se a empresa precisa de um grande espaço físico para funcionar e prestar serviços de limpeza, reparos e ainda vender produtos, os custos serão maiores.

O empreendedor precisa estudar o prazo de retorno de seu investimento, pois esse fator mostra quanto tempo ele vai ter que esperar para lucrar com a organização. Por isso, lembre-se de que quanto maior for o investimento, maior é o tempo de retorno.

Em outras palavras, se o modelo de negócios é do tipo que demora muito para trazer frutos, é o empreendedor quem terá de se responsabilizar e bancar a empresa até lá.

Em vista disso, é muito importante criar uma reserva financeira antes de investir em qualquer tipo de franquia. Também não se apegue muito aos preços dos negócios automotivos que vem analisando.

Logo, se você quer investir em uma franquia de frota de caminhões para serviço de mudança interestadual, considere diferentes propostas para entender o que cada uma pode te oferecer.

De maneira geral, o empresário precisa arcar com a taxa de franquia, que autoriza o uso de uma marca por outra pessoa. Seu valor é fixo e costuma ser cobrado na hora de assinar o contrato.

Outro valor cobrado são os royalties, necessários para manter a autorização de uso da marca. Trata-se de uma cobrança periódica prevista em lei e que garante o uso da propriedade intelectual da franqueadora.

O valor pode ser cobrado de maneira fixa e sem reajustes, ou por meio do faturamento bruto da unidade, sendo uma cobrança mensal.

Outro custo inerente é o fundo de propaganda, também conhecido como taxa de M uma quantia usada para criar e desenvolver campanhas publicitárias, que ajudam a divulgar os produtos e serviços.

Supondo que o empresário esteja abrindo uma franquia de equipamentos para içar cargas, o fundo de propaganda garante a criação e desenvolvimento de campanhas publicitárias que vão divulgar os produtos e serviços.

Ele não precisa se preocupar com essas estratégias e pode voltar sua atenção para as atividades importantes da unidade.

É fundamental dizer ainda que a publicidade criada para esse fundo se volta a todos os franqueados, portanto, não beneficia exclusivamente uma única unidade.

Se quiser investir em propagandas individuais, o empresário precisa conseguir uma autorização prévia.

Benefícios de investir no setor automotivo

As montadoras de veículos vêm apresentando números interessantes, tanto no Brasil quanto no mundo, o que mostra o quanto o setor automotivo se tornou uma excelente possibilidade de investimento.

Ao trabalhar com ele, o empresário pode ter acesso a muitas vantagens, como a possibilidade de trabalhar com tecnologia avançada.

Deste modo, abrir uma oficina mecânica completa requer investir em soluções tecnológicas de ponta, pois só dessa forma é possível cuidar de todos os veículos.

Da mesma forma, abrir uma loja de carros é a oportunidade perfeita de lidar com tecnologia avançada, tendo em vista que as concessionárias investem em startups para melhorar cada vez mais a tecnologia presente no automóvel.

Afinal, elas usam muita inteligência artificial, novos softwares e outras soluções que garantem as características dos produtos e fazem os fabricantes crescerem cada vez mais.

Outra vantagem desse setor está relacionada à sustentabilidade e meio ambiente, pois devido às preocupações ambientais constantes na sociedade, o setor automotivo investe cada vez mais em energia limpa e sustentável.

Quando a empresa demonstra preocupação em relação a isso, consegue se destacar de maneira positiva e passa a ser mais valorizada pelo público.

As estratégias sustentáveis são aplicadas em vários processos, desde o desenvolvimento de bateria moto heliar até o uso do automóvel em si.

Geralmente, as empresas da área automotiva são de capital aberto, pois estão em um momento muito positivo, com muito lucro e crescimento constante.

Isso faz com que se tornem excelentes oportunidades de investimento na bolsa de valores, principalmente considerando a autoridade das montadoras e o fato de ganharem cada vez mais espaço.

Esse tipo de negócio também é muito mais competitivo, posto que possui faturamentos cada vez maiores e a autoridade que conquistam no mercado faz com que sejam mais atraentes para os clientes, o que ajuda a fidelizá-los.

Mesmo que a concorrência seja acirrada, ela acaba sendo vantajosa para o consumidor final, que pode adquirir produtos de qualidade elevada.

Em outras palavras, investir no mercado automotivo fornecendo equipamentos de rastreador veicular, é o mesmo que trabalhar com produtos de qualidade e bem conceituados.

Por conta da globalização, este departamento está presente no mundo todo e consegue crescer em níveis globais. Nesse contexto, investir nele é a oportunidade de obter lucros cada vez maiores.

Os automóveis estão presentes no mundo todo, independentemente do país, continente ou cultura, eles agilizam o dia a dia e facilitam a vida das pessoas em qualquer lugar.

Isso quer dizer que vale a pena investir em um negócio do mercado automotivo no Brasil ou em qualquer outra parte do mundo que seja do seu interesse.

Para vender rastreador de moto, automóvel, entre outros itens, primeiro as montadoras precisam garantir veículos de qualidade, o que envolve a demanda de diferentes áreas, portanto, sempre haverá uma oportunidade de se ingressar no setor.

Isso acaba gerando empregos e movimenta a economia, além de formar alianças duradouras, visto que os acordos entre montadoras e startups, principalmente aquelas voltadas para a tecnologia, duram muito mais tempo e trazem ótimos retornos financeiros.

Considerações finais

Não é de hoje que o setor automotivo se mostra como uma excelente opção de investimento, seja para vender automóveis, fabricá-los, montar uma oficina mecânica, vender peças, e assim em diante.

Para facilitar ainda mais o investimento, o empreendedor pode optar pelas franquias, modelos de negócios prontos e de muito sucesso entre os consumidores.

Independentemente de qual seja a sua escolha, se ela pertencer ao mercado automotivo, evidentemente dará grandes frutos.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.