Conheça mais sobre os Nootrópicos

Você sabe o que são nootrópicos?

Os nootrópicos ou como são conhecidos pílula da inteligência, são substâncias que agem no cérebro e são capazes de melhorar a memória, o raciocínio e o foco.

Eles aumentam a capacidade de foco em pessoas com TDAH e depressão, mas hoje em dia tem se tornado cada vez mais em alta para pessoas saudáveis que desejam aumentar a produtividade nos estudos e trabalho.

Mas será que os nootrópicos funcionam mesmo e são seguros?

Os nootrópicos são febre entre os investidores do mercado financeiro e empresários programadores, e hoje pode facilmente encontrar bebidas, alimentos e suplementos com substâncias neuro ativadoras. Inclusive o drinteligente.com.br vende diversos produtos.

Como agem os nootrópicos

É difícil descrever exatamente como os nootrópicos funcionam porque cada um  é único e tem os seus próprios meios de ação específicos. 

Mas o que a maioria das drogas da inteligência têm em comum é que são capazes de alterar os níveis dos neurotransmissores, enzimas ou hormônios no cérebro.

Sabe-se que há diferentes suplementos cerebrais que se enquadram na categoria dos nootrópicos, e hoje há vários estudos explicando como essas substâncias melhoram a função cognitiva, memória e atenção.

Mas de modo geral, a ação dos nootrópicos tem como alvo principal os neurotransmissores, que atuam como mensageiros químicos, que transportam, estimulam e equilibram os sinais entre neurônios e células do corpo. 

Após sua liberação, o neurotransmissor passa por uma lacuna entre as células e se liga a outro neurônio, estimulando ou inibindo o neurônio receptor, de acordo com a sua função.

No caso dos nootrópicos, o foco maior de atuação está ligado à concentração, cognição e memória, como a acetilcolina, a dopamina e a noradrenalina. 

A acetilcolina está envolvida no processo de formação de  memórias e concentração, assim como no bom funcionamento do metabolismo cerebral.

A dopamina é mais conhecida por sua participação no ciclo de recompensa, ela estimula nosso cérebro a realizar tarefas.

Além disso, a dopamina age no controle de movimentos, aprendizado e cognição.

A noradrenalina regula atividades como o sono e as emoções, causando sensação de bem-estar. 

Alguns nootrópicos para manipulação

  • Fenilpiracetam
  • Ginkgo biloba
  • Teanina
  • Phenibut 
  • Homotaurina

Os 4 nootrópicos sintéticos mais conhecidos:

  1. Ritalina
  2. Anfetamina
  3. Modafinil
  4. Piracetam

Nootrópicos naturais

  • Cogumelos medicinais
  • Plantas adaptogénicas 
  • Bacopa monnieri
  • Óleo de peixe
  • Ginseng

Saiba como tomar os nootrópicos

Para se ter a fórmula ideal de nootrópico que se adapta melhor com o seu caso, escolha um bom médico e siga essas dicas:

  • Defina seus objetivos

Pense bem onde você deseja chegar e o que precisa ser feito para conseguir.

  • Pratique exercícios físicos

Esses suplementos não vão fazer o trabalho sozinho, é um conjunto, um necessita do outro para ter os resultados desejados.

  • Inicie com pequenas doses

Se você é um iniciante no nootrópico, comece com as menores doses e vá aumentando gradativamente, assim você descobrirá a quantidade que precisa e irá perceber os benefícios e diminuir as chances de efeitos colaterais.

  1. Não confie em uma única substância

Existem muitas pessoas que acreditam ser neuro hackers experientes porque usam o mesmo produto há muito tempo, mas confiar em uma substância pode levar a sérios problemas. 

Por um lado, você não sabe realmente como esse nootrópico vai funcionar em relação a outras substâncias, outra questão, quando um suprimento falta e seu desempenho cognitivo diminui, é melhor fazer uma análise mais ampla.

  1. Experimente formas diferentes da mesma substância:

Formas diferentes do mesmo nootrópico podem ter efeitos totalmente diferentes, além disso, algumas formas de minerais são absorvidas facilmente.

Experimente utilizar diferentes formas de diferentes ingredientes para potencializar os resultados.

Os nootrópicos são naturais e legalizados? O que torna os nootrópicos diferentes da maioria dos estimulantes, é que eles são considerados não tóxicos e não viciantes. Muitos são derivados de plantas ou aminoácidos isolados que são encontrados em alimentos ricos em proteínas comuns.

Benefícios para a saúde

  • Aumenta a capacidade de conhecimento
  • Gera mais disposição e energia
  • Protege o cérebro contra degeneração
  • Melhora o fluxo sanguíneo
  • Desenvolve mecanismo de defesa contra estresse
  • Aumenta a capacidade cognitiva  

Você sabia que alguns alimentos podem estimular o cérebro?

Além de adicionar nootrópicos na sua rotina, considere como muito importante ter uma dieta de alimentos que estimulam o cérebro para melhorar naturalmente a concentração e a memória.

  • Peixes
  • Cacau
  • Abacate
  • Beterraba
  • Gema de ovo
  • Azeite
  • Cúrcuma
  • Mirtilos

Obrigado por ter lido nosso artigo até aqui.

Conheça também a suaimprensa.com.br que assessoria de imprensa para influenciadores a muitos anos, e feito história.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.