documentos

Conheça documentos que devem ser validados antes da compra de um imovel

Comprar um imóvel é o desejo de muitas pessoas, por isso, elas passam alguns anos acumulando a quantia necessária para essa aquisição. Mas, o processo inclui cuidados, como a verificação dos documentos da casa. 

É cada vez mais perceptível que o mercado de imóveis está mais acessível, permitindo que pessoas que desejam comprar uma casa tenham acesso a esse tipo de bem. 

Se antes era comum a compra do terreno e a construção do imóvel, hoje há várias outras opções.

A compra de apartamentos na planta, de casas em condomínio e aquisição de várias unidades para futura locação são alguns exemplos de negócios realizados no ramo imobiliário. 

De fato, assim como o setor de fusão de fibra óptica investe na criação de novos elementos para aprimorar os seus produtos ou serviços, o setor imobiliário também está em constante evolução.

De qualquer forma, para quem compra imóveis usados ou novos, existe uma série de cuidados que precisam ser tomados para garantir uma aquisição segura e livre de problemas. 

A validação dos documentos é um desses cuidados, que pode ser diretamente responsável por uma negociação tranquila, de modo a evitar prejuízos com pendências relacionadas ao bem, assim como com a regularização da casa.

Por isso, antes de decidir realizar a compra de um imóvel, principalmente, em um momento no qual o acesso a esse tipo de compra é cada vez mais simplificado, é necessário analisar os documentos do imóvel. 

Quem nunca realizou essa validação pode achar que o processo é altamente complexo. 

No entanto, é possível entender do que se trata ao conhecer melhor esse procedimento, entendendo assim as etapas que o compõem.

Se este é o seu caso, não deixe de ler este artigo até o fim, entendendo melhor quais são os documentos que precisam ser validados antes da realização da compra de um imóvel. 

O que fazer antes de comprar um imóvel?

Muitas pessoas que desejam comprar um imóvel começam a idealizar como ele será, imaginando desde a decoração dos dormitórios até o paisagismo com pedras que será feito no jardim da casa.

Mas, apesar de ser uma etapa natural, o futuro proprietário deve ter em mente que a compra de um imóvel é bastante exigente, de forma que ele precisa entender bem o processo para não errar na escolha.

De fato, há vários elementos que devem ser observados antes de se realizar essa compra. Alguns deles são:

  • Entender se o valor do imóvel cabe no orçamento;
  • Verificar se a edificação está em boas condições;
  • Conhecer melhor a região onde ele está localizado;
  • Se informar sobre as condições jurídicas da casa.

Seja na compra à vista ou no financiamento, o comprador precisa começar verificando se o valor do imóvel cabe no seu orçamento. 

Assim como na compra de um transformador de corrente e potencial, é preciso entender se as parcelas podem ser pagas mensalmente.

Isso porque os juros de um parcelamento imobiliário podem custar caro ao bolso do comprador. Por isso, encontrar um financiamento que se enquadre na renda familiar é um passo fundamental desse processo. 

Além disso, é também necessário verificar se a edificação se encontra em boas condições. 

Afinal, a reforma de um imóvel, ao mesmo tempo em que traz transtornos, também representa um alto custo mensal para quem está comprando uma casa.

Em paralelo, outro passo essencial é o de conhecer melhor a localização do imóvel. Um local privilegiado costuma valorizar a casa, do mesmo modo em que traz facilidades para o dia a dia, se é possível encontrar por ali um supermercado, escolas, bancos, entre outros.

Por fim, também é indispensável conhecer a situação jurídica da residência. A existência de débitos pendentes ou mesmo o envolvimento do imóvel em um processo pode trazer problemas para o comprador no futuro.

De fato, assim como se busca referências antes de contratar os serviços terceirizados de manutenção predial, conhecer bem o imóvel que se quer comprar é uma etapa indispensável a qualquer processo de compra. 

Quais os documentos que devem ser verificados?

Depois de entender melhor sobre os passos que precisam ser realizados antes da compra de um imóvel, a próxima fase de compra envolve a validação dos documentos do imóvel. 

Essa é considerada uma das partes mais relevantes e confusas, ao mesmo tempo. 

Quando a compra da casa é feita diante de uma boa oportunidade, como um valor abaixo do preço normal do mercado, isso é ainda mais necessário. Além de que é uma forma de evitar cair em um prejuízo sem dimensões. 

De fato, além de entender a situação financeira familiar, de verificar as condições da casa, de conhecer a localização e de pesquisar sobre a situação jurídica, o comprador precisa igualmente verificar se toda a papelada da casa está em ordem. 

Quem evita esse processo, assim como quem adia uma manutenção ar condicionado residencial, pode acabar tendo prejuízos grandes. 

Portanto, saiba a seguir quais documentos precisam ser analisados na compra do imóvel. 

 1. Matrícula do imóvel

A matrícula do imóvel é o documento que atesta que ele está livre de problemas financeiros, como penhora, hipoteca ou alguma outra pendência financeira. Nela também consta o nome do dono do imóvel ou do representante. 

Nesse caso, é fundamental verificar a matrícula atualizada do imóvel e, com a conferência desses dados, é possível evitar um golpe e ter a certeza de estar adquirindo uma casa regularizada. 

2. IPTU

O IPTU (Imposto sobre a Propriedade Predial e Territorial Urbana) é um imposto cobrado dos proprietários de imóveis. Em termos financeiros, ele se trata de um dos mais relevantes e dos mais onerosos para quem compra uma casa. 

Sendo assim, ao decidir comprar um imóvel, é importante verificar se não existem débitos relacionados ao IPTU. Para isso, é possível pedir uma certidão atualizada na prefeitura local. 

3. Declaração de inexistência de débitos de condomínio

Quando o dono de um carro vai comprar uma bateria 60 amperes carro, ele costuma fazer uma pesquisa de preço para encontrar um bom valor. Afinal, essa é uma peça importante para o funcionamento do veículo. 

Na compra de um imóvel, o proprietário costuma verificar igualmente qual é o valor do condomínio, pois este é um custo com o qual ele terá que arcar mensalmente após a aquisição. 

Nesse sentido, outro documento que é essencial para uma compra segura é a declaração de inexistência de débitos de condomínio. 

Em casos onde o imóvel está abaixo do valor, a pendência desse tipo de taxa costuma ser um dos motivos da venda. 

4. Certidão negativa de tributos

Ainda em termos de pendências financeiras, mais um dos documentos que pode fazer diferença na compra do imóvel é a certidão negativa de tributos. Isso elimina a hipótese de haver pendências tributárias em aberto. 

Aqui estão incluídos impostos ou multas com relação a taxa de iluminação pública, coleta de lixo e outras taxas ligadas à prefeitura, que podem ser passadas ao novo comprador, gerando mais custos no processo de aquisição. 

5. Classificação como utilidade pública

Também é importante que o futuro proprietário do imóvel faça uma pesquisa nos arquivos da União, do Estado, da prefeitura ou de outras entidades públicas para verificar que o imóvel não foi declarado como utilidade pública.

Essa consulta impede que o comprador tenha que abrir mão da propriedade, caso os poderes públicos decidam pela desapropriação do imóvel. 

Há indenização nessas situações, porém, essa pesquisa evita esse tipo de questão no futuro. 

Como é possível perceber, assim como uma locação luz pulsada envolve documentações para a segurança de ambas as partes, que a compra de um imóvel exige uma verificação e uma validação de documentos. 

Afinal, esse é o caminho mais certo e protegido para o interessado na compra, que poderá desfrutar da sua nova casa com maior tranquilidade e satisfação ao perceber que cumpriu todas as etapas do processo e que fez uma boa aquisição para a sua família. 

Considerações finais

Sendo assim, qualquer pessoa que já tenha considerado realizar a compra de um imóvel sabe que essa decisão envolve uma série de precauções, uma vez que esse é um bem de alto valor e que possui uma série de particularidades.

Diante disso, nada mais natural do que tomar as devidas providências para conhecer melhor aquela casa. 

Isso inclui, de modo especial, a verificação dos documentos do imóvel, que vão assegurar de que ele está apto para a compra, evitando prejuízos futuros.

Por isso, se você já idealizou a rotina na casa, imaginando até a lavagem de tapetes a seco do imóvel, não deixe de verificar se a documentação do imóvel está em dia, para que a realização dos seus sonhos no seu novo lar possa ser completa e feliz. 

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.